33 anos depois…

 33anos.jpg


Eu acho que já fiz muita coisa nessa vida. Eu já quis ser jogador de futebol como muitos garotos. Já joguei bola em campo de terra batida, eu já joguei em estádio. Já fiz teste no Corinthians, vi que não era bem isso e eu já achei que devia ter pensado em ser astronauta mesmo. Eu já fui cobrador de lotação, já fui balconista de padaria, eu já fui office-boy, eu já servi café, já fui motorista. Mas já fui assessor de ministro de estado também. Já bati um papo com o Pelé no meio da comemoração do meu aniversário de 20 anos, troquei idéia com a Xuxa sobre filhos, ouvi conselho do Serjão e o saudoso Mário Covas já me sacaneou por conta do meu ex-cabelo grande. Eu já dei trabalho na escola, já fui da galera do fundão mas eu também já fui aluno cdf. Eu já ergui a bandeira nacional na hora cívica da escola. Eu terminei os estudos no supletivo mas eu passei no vestibular de primeira. Eu já aprendi que é melhor ouvir do que falar, já aprendi que a gente não pode ter tudo que quer. Mas eu já sei também que podemos muitas coisas que queremos. Eu vi a Seleção de 82 em campo e cantei “Voa Canarinho” algumas vezes, mas  tive que ver também o Paolo Rossi acabar com a nossa festa. Já vi o esquadrão formado pelo Zico, Adílio, Andrade, o Nunes, o Tita e o Lico jogarem juntos no meu mengão. Já assisti o Flamengo ser campeão em cima do Vasco, no meio da Raça Rubro Negra no Maraca lotado. Já vi o Romário no Vasco acabar com o Flamengo. Mas também vi o Romário acabar com todo mundo em 1994 e o Brasil ser campeão do mundo. E vi o Ronaldinho também acabar com a Alemanha em 2002. Eu já fui pra Alemanha. E eu já sacaneei os alemães por causa desse jogo. Eu já subi na Estátua da Liberdade, no Cristo Redentor e já fui na Torre Eifell. Eu já segurei a onda de amigo bêbado. Eu também já fiquei bêbado e eu já acordei de ressaca. Eu já tomei caldo de sururu e comi um treco chamado suvaco de cobra lá em Pernambuco. E eu também já comi no restaurante mais antigo e famoso de Paris. Eu já comi pastel de feira em São Paulo, peroá em Vila Velha e acarajé “quente” em Salvador. Eu já briguei na rua e eu já separei briga na rua. Eu já brinquei de pique bandeirinha e de bete. Eu já comi Banda, Caramelos Nestlè, Dip N’Lik e vi o Kri virar Crunch. Eu já organizei festa junina, gincana na escola e festinha de criança. Eu já ganhei festa surpresa. Eu frequentei a Escola Dominical na Igreja Presbiteriana, eu fui batizado nas águas já adulto, eu já fui na igreja católica só pra ver qualé, eu já ganhei um concurso de quem achava versículos na bíblia mais rápido. Eu fui pra rua quando o Tancredo morreu, eu já gritei pelo impeachment de um presidente, eu já trabalhei em campanha pra Presidente. Eu comi lula frita num boteco em Santos pra comemorar a vitória do Fernando Henrique na eleição. E eu tive que engolir o Lula de verdade quando perdemos em 2002. Eu já subi no Empire State e já escutei “New York  New York” do Frank Sinatra na Brooklin Bridge. Eu vibrei muito quando vi o Piquet e o Senna serem campeões do mundo e eu chorei quando o Senna foi dessa pra melhor. Eu já vi muita gente bacana morrer, mas vi muitas figuras especiais nascerem. Eu já tomei banho de chuva várias vezes, mas já fiquei dois dias sem tomar banho de água doce. Eu já plantei uma árvore, eu já tive filhos, já me apaixonei,  já tive dor de cotovelo, já tomei fora da Juliana e depois ela resolveu casar comigo como manda o figurino. Eu assisti o parto das minhas duas filhas, eu já ensinei uma delas a andar de bicicleta sem rodinha e a outra a comer a primeira comidinha. Eu já chorei quando passaram mertiolate no meu machucado mas tive que passar mertiolate no machucado da minha filha enquanto ela chorava. Eu vi vários tipos de Coca-Cola serem inventadas e eu continuo tomando a mesma Coca-Cola original. Eu já peguei 45 saquinhos de Cosme Damião em um só dia. Eu já tomei bronca de chefe e já dei bronca como chefe. Já corri atrás de emprego, já consegui bons empregos, já fui dono do meu próprio negócio, já desisiti de ser dono do meu próprio negócio também. Eu já fui pra Disney um monte de vezes e eu já enchi o saco dos amigos pra irem pra Disney também. Eu já tive furúnculo, eu já roubei manga do vizinho, eu já tive piolho, eu já fugi de cachorro brabo, já joguei muita bola descalço na rua, eu já soltei pipa com cerol, eu joguei bolinha de gude. Eu nunca gostei de aparecer mas já precisei aparecer na TV, no rádio, no jornal, em revistas e na Internet. Eu já usei máquina de escrever, eu vi a Internet nascer antes de muita gente e eu comecei a trabalhar com Internet antes de muita gente. Eu já comi cachorro quente em Nova York e lá na pracinha do Guará achando bom do mesmo jeito. Eu assisti Piratas do Espaço, Chips, estréia de filme dos Trapalhões, eu já morri de medo com a brincadeira do copo e com Poltergeist- o Fenômeno. Eu já fui na Água Mineral, na piscina com ondas do Parque da Cidade, no Clube Primavera de Taguatinga e eu já passeei no Central Park. Eu já comi o pastel da Viçosa incontáveis vezes e muitos anos depois eu conheci o cara que fundou a Viçosa. Eu já perdi e já ganhei no par ou ímpar. Eu já trouxe Pizza Hut dentro do avião de São Paulo e eu já economizei um bom tempo pra ir comer no rodízio do Primo Piato. Eu sempre fui fã de coxinha. Eu já andei de bug nas dunas de Natal, eu já fiz fogueira com amigos na rua, eu já acampei, eu já dormi ao relento, eu já vendi din-din na porta de escola, eu já lavei carro pra ganhar uns trocados. Eu já fiz guerra de bolo, já vi o sol nascer e já vi o sol se pôr. Eu já fui nas Torres Gêmeas e também vi uns babacas derrubarem elas. Já vi o Papa de perto e depois vi ele morrer e outro ser escolhido. Eu já assisti show de rock e axé, eu já surfei, já mergulhei no mar, já subi em árvore e brinquei de pique-esconde. Eu já me perdi em Miami, em Goiânia e no Rio de Janeiro. Eu já fiz compras na comercial norte de Taguatinga, no calçadão de Madureira e também na Champs-Élysées. Eu já fiz muitos amigos por aqui e já fiz muitos que moram mundo afora. Eu já passei o maior calor da minha vida em Cuiabá e já quase congelei em Dresden na Alemanha. Eu já andei de trem bala, de bondinho, de jangada e de metrô. Eu aprendi a dirigir num Fusca, eu já dirigi um ônibus e uma Kombi. Eu já bati um carro e já não achei meu carro no lugar onde ele deveria estar. Eu já andei a cavalo, eu já tomei coice de cavalo, eu já vi tubarão de perto, já limpei galinheiro, já encerei chão, já plantei tomate. Eu já vi neve. Eu sempre me perguntei porque meu nome é Moriael, eu já tive que responder mil vezes que não sei de onde veio esse nome até que um dia encontrei um cara na rua que, do nada, me contou a história do meu nome todinha. Eu já andei de montanha-russa no carrinho da frente, eu já caí de bicicleta, eu já andei de kart. Eu fiquei fã do Legião Urbana, eu já cantei Faroste Caboclo centenas de vezes e eu já encontrei o Renato Russo. Eu também já dei uma topada com o Zidane na rua e eu já vi o Zidane não ser topado por ninguém e destruir o Brasil na Copa. Eu fui no Louvre, eu já fui no Museu de História Natural de NY, no Memorial JK, eu já nadei com os peixes em Porto de Galinhas, já andei de jet ski e já me senti como uma batata cozida nas piscinas de Caldas Novas. Eu já passei 3 horas seguidas numa Apple Store. Eu já li a revista MAD escondido e colecionei a Placar por vários anos. Eu escapei do Exército, eu já tive cabelo grande, eu já usei brinco em uma orelha, eu já fui reprovado na escola. Eu já aprendi a cozinhar, eu já deixei o arroz queimar, eu já fiz vários churrascos, já fiz comida chinesa, mexicana, tex-mex, italiana e vários mexidões. Eu já provei sarapatel, buchada de bode, scargot e caviar. Eu já tomei Chapinha e já tomei vinho caro. Eu já escutei música brega de noite, eu já escutei jazz de qualidade, eu já vi ensaio de escola de samba. Eu já fui aplaudido e eu já paguei mico. Eu já contei piada sem graça e piada engraçada. Eu já desfilei no 7 de setembro, eu já fui campeão jogando vôlei e futebol, eu já lutei judô. Eu já dormi no ônibus e perdi a parada, eu já tive dor de barriga no ônibus, eu já passei mal de tanto rir. Eu já pensei que nunca ia pra faculdade e anos depois eu fui pra melhor festa da minha vida que foi justamente a minha formatura na faculdade. Eu também já ouvi muitas vezes que era quase impossível trabalhar com o que se gosta. Eu não acreditei, dei um jeito de trabalhar todo dia com o que me faz feliz e eu ainda recebo por isso. Eu sempre achei que uma boa risada e um bom bate-papo valem mais que perder tempo discutindo seja lá o que for. Eu já li muitos livros, já escutei muita música, já escutei muitas histórias do meu avô, eu aprendi a jogar xadrez com meu outro avô. Eu já fui figurante de filme brasileiro, eu já brinquei dentro de bueiro, eu já nadei em rio, eu já pesquei no mar de noite. Eu já me vesti de super-homem, eu já pulei de cima da casa pensando que era o super-homem, eu já me vesti de papai noel pra minha filha. Eu nunca tive barba e eu sou o criador da língua do “ênet’s”. Eu já contei várias histórias pra Malu dormir, já ensinei ela a fazer côco no vaso, eu já fiz ela e a Duda dormirem no meu colo. Eu já troquei fraldas, eu já chorei na apresentação do dia dos pais. Eu descobri que a melhor coisa que pode existir na vida de um homem é ser pai. Quando a Duda nasceu eu descobri que essa felicidade podia dobrar. Eu sempre pensei o tempo todo sem parar, eu nunca perdi a mania de achar que as coisas sempre podem melhorar, eu nunca aprendi que o ótimo é o inimigo do bom. Eu sempre preferi o ganha-ganha do que o perde-perde numa negociação mas eu nunca aprendi que ao longo da vida as vezes é preciso dizer mais nãos. Eu sempre tive certeza que a verdade é melhor que a mentira. Eu também sempre achei que Deus foi mais legal comigo do que eu merecia. Mas eu também sempre me senti bem próximo Dele e concluí que Ele não se importava muito com alguns vacilos de vez em quando. E eu acho que é por isso que Ele me deixou chegar até aqui, aos 33 anos de idade. Porque se eu acho que  já vivi muita coisa legal, Ele sabe que ainda tenho muita coisa legal pra viver. Ele também sabe que eu nunca vou esquecer de valorizar e agradecer por cada detalhe daquilo que foi preparado pra mim. 

 

Obrigado, Senhor. 

 

 

Anúncios

21 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Julio Valmorbida
    fev 18, 2008 @ 15:04:11

    Caro Moriael…
    Eu também já fiz muita coisa, mas não lembro de tantas assim…Genial seu post.
    Engraçado, reflexivo,sério sem ser sisudo e gostoso de ler.
    Aliás, um retrospectiva dessas mereceria algo mais que um post…
    Abraços e Roger.
    Julio

    Responder

  2. Juliana
    fev 18, 2008 @ 16:53:27

    Nossa! Emocionei. Que texto!!! E eu que achava que já tinha feito muita coisa nessa vida…

    Responder

  3. Lú Menino
    fev 18, 2008 @ 20:17:07

    Nossa… estou emocionada… quanta coisa heim… e afinal, qual é o significado do seu nome mesmo??? rsrsrs

    Parabéns viu.

    Responder

  4. Cesario Monteiro
    fev 22, 2008 @ 18:57:39

    O mundo precisa de mais pessoas assim. Principalmente pelo fato de saber reconhecer o trabalho de Deus em nossas vidas.

    Desde que te conheci, passei a ser mais um dos seus fãs…

    Depois de ter lido o texto, concluí o que já sabia.

    Feliz aniversário atrasado e muito obrigado pela oportunidade que me deu, Mori.

    Ps. Estou numa correria devido ao novo trampo, mas assim que sobrar um tempo irei almoçar com vcs.

    Abracenet´s

    Responder

  5. Dalila
    fev 23, 2008 @ 17:17:39

    Faaaaala Peão
    Em meio a tantas lágrimas, tentarei escrever um pouquinho…
    Eu sempre digo às pessoas o tanto que te admiro e amo. Você é exemplo de força de vontade, fé, perseverança, alegria e amor.
    Você é lindo, batalhador, sincero, honesto, responsável, humilde, fiel, companheiro, um pai maravilhoso e excelente marido.
    Ao ler tudo o que escreveu, fui relembrando algumas coisas e também agradeci a Deus por ter lhe proporcionado essas experiências. Nossa infância não foi a mais “rica”, não tínhamos dinheiro sobrando, mas também não nos faltou nada.
    Graças a Deus sempre sobrou amor e carinho em nosso lar, nisso, sempre fomos riquíssimos.
    Não tivemos um lar “modelo”, mas temos uma mãe guerreira e uma família maravilhosa que sempre nos ajudou.
    Tivemos bons exemplos, pessoas boas para nos espelhar e vejo que você assim o fez.
    Você é um homem de caráter, vencedor e creio que o Senhor nosso Deus, continuará trilhando seus passos em vitórias.
    Te amo muito e desculpe o tamanho do texto…rs.

    Responder

  6. Ferla
    fev 23, 2008 @ 20:49:32

    Legal. Gostei do texto e te conheci melhor. Parabéns pelos 33 bem vividos.

    Responder

  7. Geisi
    fev 27, 2008 @ 12:32:48

    Caro Tio Lelo
    Quando conheci vc em Floripa e depois em Brasília, pensei que vc era uma cara legal. Conversando com vc outras vezes por skype, concluí que vc era um cara, além de legal, muito prestativo e educado. Recebendo vc em minha casa, conheci um cara bem humorado, amigo, íntegro, divertido, excelente pai, marido dedicado, profissional, enfim um cara nota 10. Parabéns por ser um grande cara e parabéns pela família linda que tem. Volte sempre!

    Responder

  8. gabI
    fev 27, 2008 @ 19:46:22

    NOSSA PRIMO!!!!!
    Que texto lindo….. agora vc é meu idolo
    quero conseguir chebar aos 33 anos e ter feito pelo menos metade disso. Prabéns atrasado neh?!!?
    tudo de bom!!!
    Beijão para todos!!!!!!!!

    Responder

  9. Kali
    mar 04, 2008 @ 23:28:29

    Moriiiiiiiiiii,
    genial cada palavra desse texto. Realmente emocionante a paixão com que vc fala da sua vida!
    Entendo o porquë de colocar tudo junto! Parece um trem, o trem da vida! Se pudesse colocar uma trilha sonora sugeriria uma do John Mayer, “Stop this train”

    Responder

  10. Giancarlo
    mar 10, 2008 @ 15:11:33

    Grande post, meu velho. Te conheci um pouco melhor por meio desse texto primoroso. Vou copiar o estilo, descaradamente, no dia 28 de julho.
    Forte abraço.

    Responder

  11. Rita
    mar 30, 2008 @ 15:10:50

    Puxa Mori
    Eu já gostava muito de vc. Agora vc superou! Adorei a forma como você contou quem você é.
    Foi certamente uma viagem que você fez novamente em cada um desses momentos vividos para escrever este post.
    Parabéns!
    Bjs
    Rita

    Responder

  12. ph
    mar 31, 2008 @ 21:40:07

    pqp! Fiquei sem fôlego! Uma boa parte das coisas eu tbém fiz; outras estão na lista de prioridades. A gente se viu uma única vez, não é mesmo? Pois saiba que fiquei com a melhor impressão possível. Ainda mais depois que descobri que somos da mesma nação… a rubro-negra! 🙂
    “tu és time de tradição; raça, amor e paixão; oh meu mengooo”!
    Feliz aniversário, cara. Tudibom!
    ph

    Responder

  13. Fabrício Soares
    abr 09, 2008 @ 17:43:46

    Nossa! Conseguir chegar ao final =)

    Interesante, várias coisas que fiz e havia me esquecido relembrei lendo seu texto.

    Responder

  14. Gidel
    maio 14, 2008 @ 00:51:06

    “Eu já contei piada sem graça e piada engraçada.”

    Pena que eu não estava presente no segundo tipo de piada!

    Abs

    Belo texto.

    Responder

  15. Danielle
    jun 20, 2008 @ 20:03:09

    Mori, Colega,

    Desculpa mas eu vou ter que revelar que você é mais velho do que isso.
    33 anos em cada perna. Te conheci em 1970 ( e você já tinha 8 anos) em Taguacity lá na M Norte. Então conta essa tua história direito….rárá.
    Beijo.

    Colega.

    Responder

  16. Cris Brandi
    jul 02, 2008 @ 02:36:16

    Mori, que saudades!!!! Descobri seu blog sem querer e resolvi dar uma lida… não sei se já te falei, mas sempre lhe admirei pelo equilíbrio que leva a sua vida pessoal e profissional. Depois de ler esse texto (não suporto ler textos gigantescos na internet, ainda mais de 3 páginas do Word), minha admiração ficou ainda maior. Você é sem dúvida uma inspiração pra todos aqueles que querem ter uma boa vida no sentido de curtir as coisas boas, sem deixar de lado as obrigações, pelo contrário, fazer com que elas virem ao prazeroso. Não consigo te imaginar de mau humor ou algo do gênero, apesar de ter certeza que vc tb deve ficar, como vc mesmo citou… “Eu já tomei bronca de chefe e já dei bronca como chefe”. De qualquer forma, não vou me estender mais, queria lhe dar os parabéns pela pessoa que você é e desejar que você se torne uma pessoa cada vez melhor, se é que isso é possível. Te admiro muito mesmo, por tudo que vc é, pelo que vc fez e pelo q vc será. Bjs, Cris Brandi

    Responder

  17. jean boechat
    jul 29, 2008 @ 15:31:07

    =^)

    Responder

  18. Eider
    ago 04, 2008 @ 22:50:25

    Sou seu fã.

    Responder

  19. Monaliza Maia
    fev 07, 2009 @ 15:47:19

    Mori,

    Tô com lágrimas nos olhos e morrendo de orgulho de você.
    Homem-menino-inteiro-livre-bom!!!!
    Deus te proteja todos os dias. E proteja mais ainda suas filhas, que são a maior alegria da sua vida.

    Da outra colega.

    Mona

    Responder

  20. Ester Rodrigues Pena
    nov 30, 2010 @ 13:42:03

    Morico, só hoje tive oportunidade de ler esta obra-prima de texto… com o coração arrebentando de alegria , com lágrimas escorrendo pelo rosto e uma incomensurável gratidão a Deus , fico vendo VOCE, ESTE PRESENTE maravilho que Ele nos deu, com 1 ano de idade…. branco que só um “coro”….lindo demais!!!! Um dia fui ver vc lá na mansão do seu avô José…te carregava nos braços passeando pelo jardim…vc não emitia nem UM SOM siquer!!! Só apontava aonde queria ir….eu fiquei desesperada e gritei: Dalva será que ele é MUDO?????

    Responder

  21. Ester Rodrigues Pena
    nov 30, 2010 @ 14:36:00

    (opsss…. dei um comando errado e publiquei o texto sem terminar…)
    mas… continuando…. sua mãe, sorrindo muito, me acalmou…”calma, menina, com o tempo ele vai falar”!!! Que PROFECIA !!!
    O tempo, como é óbio, foi realmente passando… e vc começou a falar…. falar…. falar… .”respira, Moria, depois continua!!!” (lembra quando vc imitava os deputados no Plenário???? KKKK)…e HOJE te vejo com 35 anos, BRANCO E LINDO DO MESMO JEITO!!!…..mas FALANDO E ESCREVENDO maravilhosamente bem!!! Como é bom fazer parte desta história.!!!…como fiquei orgulhosa e feliz quando vc disse prá vizinha que eu também era sua mãe!!… quando vc ligou dizendo que a Ju estava grávida…. e muito mais!!! (vou parar… meu texto está quase do tamaho do seu!!!..)Um grande beijo da Tia Téia

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: