Perólas da Malu: “Pai permanente”

Criança simplifica as coisas de um jeito que quase dá um nó na gente. Quando é a Malu* então… 

 

Como muita gente já sabe, tô em Sampa trabalhando desde julho na campanha eleitoral. Saudade absurda, lógico. Indo pouco à Brasília. Daí, já no último mês, ligo como todos os dias para casa:    

 

– Oi Filhota!!!

 

– Oooooooooooooooooooooooooooooooooooi papai!  

 

– Que saudade, meu amor! Sabia que tá quase acabando a campanha aqui? 

 

– Ééééé?

 

– Sério! E aí o papai vai voltar pra casa e não vem mais pra São Paulo… 

 

– Que dia, papai? 

 

– Dia 27 filha, tá pertinho!

 

– ah… legal… então dia 27 você volta a ser pai permanente, né? 

 

– hum?

 

* A Malu, que também atende por Maria Luiza, é uma figurinha de 8 anos que Deus com muita generosidade me deu como filha. Esperta, inteligente, não perde um lance e nem a chance de soltar um comentário gaiato.  Vira e mexe, posto aqui alguns. Para divertir e registrar pra sempre.  É também pós graduada em dobrar o pai, que se derrete fácil que só com aquele sorrisinho. 

Anúncios